Ensino de Libras pode se tornar obrigatório nas escolas

Tramita, na Câmara Municipal de São Paulo, Projeto de Lei que prevê o ensino obrigatório da Língua Brasileira de Sinaismais conhecida como Libras – nas escolas da capital paulista.

Caso o PL 90/2013 seja aprovado, a disciplina deverá ser incluída na grade curricular de todas as instituições públicas e privadas da cidade de São Paulo, desde a Educação Infantil até o Ensino Fundamental. A medida estabelece, ainda, que professores surdos devem ter prioridade para ensinar a matéria.

A ideia é promover a inclusão social dos quase 10 milhões de deficientes auditivos que vivem, atualmente, no Brasil. “Negar a Língua Brasileira de Sinais provoca perdas consideráveis nos aspectos cognitivos, sócio-afetivos, linguísticos, políticos, culturais e na aprendizagem dos surdos”, diz o texto do PL.

A medida já foi aprovada por cinco Comissões – entre elas, a de Educação e Cultura e a de Saúde e Promoção Social – e segue, agora, para votação no plenário da Câmara. Se aprovado pelos vereadores, o PL vai para sanção do prefeito, Fernando Haddad, e as instituições de ensino terão três anos para se adequar à nova Lei e incluir Libras em suas grades curriculares.

Vai torcer para a ideia sair do papel?

Leia, na íntegra, o PL 90/2013.

Foto: UnB Agência/Isa Lima/Creative Commons

Fonte: thegreenestpost.bol.uol.com.br/ensino-de-libras-pode-se-tornar-obrigatorio-nas-escolas

Comentarios

comentarios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *